terça-feira, 25 de março de 2014

RESENHA: Apaixonada por palavras

Nos romances das séries “Fazendo meu filme” e “Minha vida fora de série”, Paula Pimenta conta a história de seus personagens. Já as 55 crônicas de “Apaixonada por palavras” contam o próprio dia a dia da autora. Aqui a protagonista é a Paula. Aqui é o destino dela que conta e que se conta. Aqui nos identificamos com ela e torcemos por ela. Aqui nos apaixonamos não por um personagem inventado, mas por uma pessoa de carne, osso, alma e, claro, palavras. (parte da orelha do livro, por Eduardo Loureiro Jr. - Editor do Crônica do Dia)

Não leio muitas crônicas e o que me fez ficar interessada em "Apaixonada por palavras" foi a autora. Essa foi minha maior motivação para ler, mas qual é minha surpresa em ver que me identifiquei, ri e emocionei com o que tinha naquelas pequenas histórias? Se bem que eu não deveria esperar outra coisa da Paula Pimenta. Ela sempre consegue nos causar diversas sensações quando lemos algo dela.

Foi uma agradável surpresa ler algo da  autora fora do universo Fazendo meu filme e Minha vida fora de série. O que mais me chamou atenção foi que as crônicas contidas nesse livro se baseiam no dia a dia da autora e isso é bem legal de se acompanhar.

Como a Paula é romântica, basicamente a premissa da maioria das crônicas é sobre amor e, se você é como eu, não muito romântica, pode ficar com um pé atrás. Mas, sinceramente, nada no romantismo deste livro me soou excessivo ou me deixou desconfortável. Sem falar que ele contém um bom número de crônicas sobre o dia a dia, que são ótimas e a leitura foi muito agradável.

Eu amei a capa! Achei simples, mas criativa. Combinou com o conteúdo do livro e é, junto ao trabalho gráfico de todo livro, mais um ponto positivo. Se você gosta de crônicas, acho que é uma ótima pedida. Se não tem o hábito de ler, acho que é uma ótima maneira de começar.

Sobre o livro:
Apaixonada por palavras
ISBN: 9788565383752
Autora: Paula Pimenta
Editora: Gutenberg
Ano: 2012
Páginas: 160

domingo, 23 de março de 2014

SOPA PRIMORDIAL: Sopa de Mangás e HQ's #1



SOPA PRIMORDIAL

Ingredientes:

3 xícaras de LIVRO
1 MANGÁ
3 HQs
1 MÚSICA
2 colheres de chá de SÉRIES
3 colheres de chá de FILMES
1 colher de sopa de GAMES




Oi, gente!

A Sopa de hoje é sobre mangás e HQs, então eu, Danton e Thio comentamos um pouco sobre as leituras que mais nos agradaram. Confira nossos surtos! 

Curta nossa página no Facebook

Nos siga no Gplus 

Inscreva-se no canal no YouTube 

Nos siga no Twitter




Até o próximo vídeo!

Beijos

segunda-feira, 17 de março de 2014

RESENHA: A marca de Atena (Os heróis do Olimpo #3)

"Annabeth está apavorada. Justo quando ela está prestes a reencontrar Percy - após seis meses afastados por culpa de Hera -, o Acampamento Júpiter parece estar se preparando para o combate. A bordo do Argo II com os amigos Jason, Piper e Leo, ela não pode culpar os semideuses romanos por pensarem que o navio é uma arma de guerra grega: afinal, com um dragão de bronze fumegante como figura de proa, a fantástica criação de Leo não parece mesmo nada amigável. Annabeth só pode torcer para que os romanos vejam seu pretor Jason na embarcação e compreendam que os visitantes do Acampamento Meio-Sangue estão ali em missão de paz. Os problemas de Annabeth não param por aí - ela carrega no bolso um presente da mãe, que veio acompanhado de uma ordem intimidadora: Siga a Marca de Atena. Vingue-me. A guerreira já carrega nas costas o peso da profecia que mandará sete semideuses em busca das Portas da Morte. O que mais Atena poderia querer dela? O maior medo de Annabeth, no entanto, é que Percy tenha mudado. E se ele já estiver habituado demais aos costumes romanos? Será que ainda precisará dos velhos amigos? Como filha da deusa da guerra e da sabedoria, Annabeth sabe que nasceu para liderar; no entanto, também sabe que nunca mais vai querer viver sem o Cabeça de Alga."

Eu admito: a Annabeth é minha personagem favorita. Fiquei tão feliz por finalmente ter o ponto de vista da filha de Atena! Sempre quis saber quais seriam seus pensamentos na série Percy Jackson e os Olimpianos, e já que não rolou, me contentei em apreciar seus pensamentos nessa nova aventura.

A interação entre Percy e Annabeth é destaque, mas os outros personagens também são bem explorados. O Leo é, dos apresentados nessa nova série, o personagem que mais gosto. Senso de humor, inteligência e coragem em um único personagem. Piper é a personagem que menos me agrada. Embora goste dela, acho que o seu ponto de vista é o que reserva mais dúvidas sobre si mesma, mas que geralmente está ligada a seu relacionamento com Jason.

O ritmo dessa série "Os heróis do Olimpo" é, para mim, um pouco mais devagar que Percy Jackson, mas eu sinto que conheço mais da história quando comparo a antecessora. A leitura pode ter ficado mais lenta, mas o conhecimento e apreensão quanto a história principal aumentou e me senti mais tentada a observar os detalhes e fazer certas ligações entre acontecimentos e personagens.

Referências a série "Percy Jackson e os Olimpianos" são recorrentes e se antes não parecia ser tão necessário ter lido os livros dela para entender os acontecimentos de "Os heróis do Olimpo", agora acho imprescindível. Afinal, Percy, Annabeth e Nico aparecem bastante e é impossível que não façam menção aos acontecimentos da série anterior.

Da série "Os heróis do Olimpo", esse foi o livro que mais gostei e que me deixou mais animada com o enredo e que melhor desenvolveu os personagens. O Rick Riordan está se especializando em nos deixar loucos por seus livros e terminou "A marca de Atena" em um momento especialmente cruel e me fez gritar quando li. Foram mais de seis meses aguardando ansiosa "A casa de Hades", mas isso é assunto para outra resenha.

Sobre o livro:
A marca de Atena
ISBN: 9788580573107
Série: Os heróis do Olimpo
Volume: 03
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Ano: 2013
Páginas: 480
Booktrailer:

sábado, 15 de março de 2014

SOPA PRIMORDIAL: Sopa de filmes #1



SOPA PRIMORDIAL

Ingredientes:

3 xícaras de LIVRO
1 MANGÁ
3 HQs
1 MÚSICA
2 colheres de chá de SÉRIES
3 colheres de chá de FILMES
1 colher de sopa de GAMES




Oi, gente!

Saiu mais um vídeo do Sopa Primordial: Sopa de filmes #1. O bate papo é entre a Carissa e o Danton e ficou bem legal (além de engraçado). Contamos com a participação de vocês.

Curta nossa página no Facebook

Nos siga no Gplus 

Inscreva-se no canal no YouTube 

Confira o primeiro vídeo sobre filmes do canal:



Até o próximo vídeo!

Monique

sexta-feira, 14 de março de 2014

SORTEIO: O amor mora ao lado


Olá!

Esse mês vamos sortear o livro "O amor mora ao lado" que a Fabiana resenhou. Para participar é necessário curtir a página da Fábrica no facebook e comentar na resenha (comentários com conteúdo, nada de "adorei a resenha", "vou ler"...). Para chances extras, sé só seguir as informações do formulário.

a Rafflecopter giveaway

O sorteio começa hoje e vai até o dia 05 de Abril.

Divulguei o resultado do sorteio anterior no twitter, mas para quem não viu, segue abaixo.

a Rafflecopter giveaway

O sorteado já entrou em contato.

Dúvidas é só deixar nos comentários.

Boa sorte!

terça-feira, 11 de março de 2014

RESENHA: O amor mora ao lado

Lacey se julga uma molenga. Uma do tipo que trabalha o tempo todo mas não consegue pedir um aumento de salário para o chefe que sempre dá um jeito de evitar a abordagem do assunto.
 
Após atravessar um divorcio complicado e cheio de magoas, tudo o que Lacey  deseja é cuidar de si e de sua gata Cléo, a companhia que sempre a aguarda em casa após o trabalho. A gata e as discussões constantes de seu vizinho Jack que insiste que a namorada vá morar com ele. Um espetáculo a parte que irrita Lacey profundamente. Mas até então umas batidinhas na parede que os conectava conseguia fazer com que diminuíssem o volume das brigas.

 Essas discussões no entanto só faziam com que a antipatia pelo vizinho aumentasse. Os homens eram todos iguais e Lacey estava melhor sem eles. Porém, Cão, o gato de Jack, tem planos para Cleo e eles prometem afetar muito seus donos.


Perdoem a sinopse muito mais ou menos do livro mas não posso aprofundar mais no enredo sem correr o risco de soltar algum spoiler no processo. Composto de 160 páginas e digitado em uma fonte enorme, 'O Amor mora ao lado' tem mais cara de conto que de livro propriamente dito. Uma excelente opção para quem adora uma estória curtinha, descontraída e fofa. 

Esta é minha segunda experiência com a autora Debbie Macomber e como da primeira vez não me decepcionei. Adoro o modo como ela recorre à situações do cotidiano das mulheres para contar uma estória: suas dificuldades e dedicação ao trabalho; os preconceitos e medos que ainda hoje temos de lidar; as relações amorosas... Nesse caso como um divórcio pode afetar uma mulher e pode influenciar suas futuras relações. O medo de tentar novamente e correr o risco de se decepcionar de novo.

Claro que não poderia deixar de falar sobre a personalidade de Jack rsrs ele faz o tipo bonitão enigmático do qual a gente só sabe o que Lacey tem conhecimento. E as aparências podem ou não ser muito justas não é mesmo? Foi bem intrigante conhecê-lo mais a fundo. Me acabava de rir com as cenas dos dois nos corredores do prédio. E socorro, ele é um perfeito sedutor <3

Não é uma obra complexa e nem um livro que vai mudar sua vida quando terminá-lo, mas quando cheguei ao fim estava com uma sensação gostosa. A narrativa é breve mas consegue cumprir o que se propõe: entreter. Gostei bastante e recomendo. Fiquem atentos que em breve teremos promoção valendo o livro aqui no blog. 


Sobre o livro:
Título: O amor mora ao lado
ISBN: 9788581630526
Autor: Debbie Macomber
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013
Páginas: 160

Leia um trecho do livro na página da editora Novo Conceito
Site oficial da autora: Debbie Macomber
 

domingo, 9 de março de 2014

Lemos na Fábrica: Fevereiro 2014


Fabiana Araujo
Olá pessoal, este mês consegui ler 6 livros \o/ até que li bastante se compararmos com janeiro HAHAHA É que os livros foram menorezinhos.

Li ‘O mundo pelos olhos de Bob’, do James Bowen: segundo livro sobre a vida James com seu gato Bob. Gostei bastante. Já publicamos resenha do livro aqui no blog, se quiserem conferir aqui
‘O amor mora ao lado’, da Debbie Macomber: o livro é super curtinho, tem mais cara de conto do que de livro, mas tem uma estória bem fofinha. Já já disponibilizaremos a resenha pra vocês.

Fracture me’, Tahered Mafi: conto na visão do Adam e que se passa em meio aos acontecimentos de ‘Liberta-me’.  Eu gostei, porém confesso que esperava mais . Sei lá, acho que criei uma expectativa muito grande devido ao conto do Warner que achei o máximo HAHAHA. Vou tentar escrever uma resenha sem muito spoilers e disponibilizo em breve para os interessados.

‘Belo Casamento’, Jamie Mcguire: conto da série Belo Desastre que já trás no titulo um belo de um spoiler. Sorry.  Eu amo os personagens então não poderia deixar de conferir mais esse conto. Claro que amei de paixão e já estou surtando horrores pelos próximos livros dos irmãos do Travis <3

Os próximos dois livros li para um cursinho que comecei a fazer. O professor pediu e como ainda sou uma boa aluna (cof cof) tinha de ler né? HAHAHA

‘Cidadão de Papel’, do Gilberto Dimenstein: é um livro bem bacana que nós dá um panorama super interessante da nossa sociedade, nossas leis, nossos direitos e deveres. Pena que a versão está um tantinho desatualizada.

‘O pirotécnico Zacarias’, Murilo Rubião: é um livro de contos. A narrativa é bem diferente e inusitada. É um livro interessante para se trabalhar o modo de contar estórias, os narradores dos contos são bem diferentes. 


Monique Melo
E não é que este mês vai sair cedo? Li somente quatro livros, mas estou feliz com minhas leituras, foram muito boas.

Densha Otoko, Nakano Hitori: É um livro bem diferente e divertido. Logo postarei resenha dele e conto mais.
O duque e eu (Os Bridgertons #1), Julia Quinn: Minha gente, que livro legal. Adorei os personagens e o enredo. Vocês podem acompanhar todos os meus elogios na resenha. Recomendo demais.

Amanhã, quando a guerra começou (Amanhã #1), John Marsden: Um bom livro que me deixou bem curiosa sobre os caminhos que serão trilhados no próximo volume,.
Alma? (Protetorado da sombrinha #1), Gail Carriger: Já fiz resenha, mas reforço que o livro é bastante divertido e inteligente. Adorei os personagens, ambientação e narrativa. 


Estou voltando a ler a quantidade habitual de mangás (estava meio devagar), mas ainda estou sofrendo com os volumes que tenho assinatura e ainda não chegaram por conta da greve.


Blue Exorcist #5 e #6: Apaixonada por esse mangá e pelo traço e por tudo! Conforme os volumes vão avançando, o enredo fica mais intrincado e temos ótimas cenas. =D


O homem das várias faces #1 e #2: É divertido e bem desenhado, mas passa longe de ser uma ótima obra quando se trata do CLAMP. 


Naruto #64: Volume para fazer chorar, viu? Morrendo quem nunca imaginávamos que morreria... Eita guerra cruel!
Ataque dos titãs #2: E não é que melhorou? Fiquei impressionada como a história ficou mais legal. Será que o terceiro continuará bom?


Kimi ni todoke #17: E aconteceu o que todo amante desse mangá esperava! Foi muito legal esse volume e deu aquela ansiedade pelo próximo.
O jogo do rei #2: Ficando cada vez mais tenso e me deixando bem curiosa. Não é um mangá com grande história, mas é legal de ler.


Guerreiras Mágicas de Rayearth #3: Sempre fico babando pelo mangá de tão lindo que é. Esse volume foi cheio de ação e terminou bem emocionante. 
Genshiken #6: Edição com páginas coloridas. É engraçado, sem grande enredo, mas diverte mesmo assim.

Kekkaishi #6, #7, #8 e #9: Gostando muito da forma que a autora está desenvolvendo o mangá. Os personagens são ótimos e o Yoshimori vai crescendo e amadurecendo conforme as dificuldades vão aparecendo. Estou adorando.

Esse mês foi isso. O que vocês leram?

sábado, 8 de março de 2014

SOPA PRIMORDIAL: Sopa de livros #1



SOPA PRIMORDIAL

Ingredientes:

3 xícaras de LIVRO
1 MANGÁ
3 HQs
1 MÚSICA
2 colheres de chá de SÉRIES
3 colheres de chá de FILMES
1 colher de sopa de GAMES




Oi, gente! Hoje estou aqui para divulgar o primeiro vídeo de um projeto novo que eu, Carissa, Thio, Breno, Danton e Bia estamos desenvolvendo: Sopa Primordial. Nesse novo canal, vamos falar de livros, mangás, HQ's, filmes , séries e o que mais temperar e deixar saborosa essa receita. Será um vídeo por semana com assuntos diferentes. Ainda estamos nos organizando em alguns aspectos e estamos testando o formato, por isso deixem sua opinião, sugestão, crítica. Contamos com a participação de vocês.

Curta nossa página no Facebook

Nos siga no Gplus 

Inscreva-se no canal no YouTube 

Confira o primeiro vídeo do canal:



Até o próximo vídeo!

Monique

segunda-feira, 3 de março de 2014

RESENHA: Alma? (Protetorado da Sombrinha #1)

Alexia Tarabotti enfrenta uma série de atribulações sociais, quiproquós e saias justas (embora compridíssimas) em plena sociedade vitoriana. Em primeiro lugar, ela não tem alma. Em segundo, é solteirona e filha de italiano. Em terceiro, acaba sendo atacada sem a menor educação por um vampiro, o que foge a todas as regras de etiqueta. E agora? Pelo visto, tudo vai de mal a pior, pois a srta. Tarabotti mata sem querer o vampiro ― ocasião em que a Rainha Vitória envia o assustador Lorde Maccon (temperamental, bagunceiro, lindo de morrer e lobisomem) para investigar o ocorrido. Com vampiros inesperados aparecendo e os esperados desaparecendo, todos parecem achar que a srta. Tarabotti é a responsável. Será que ela conseguirá descobrir o que realmente está acontecendo na alta sociedade londrina? Será que seu dom de sem alma para anular poderes sobrenaturais acabará se revelando útil ou apenas constrangedor? No fim das contas, quem é o verdadeiro inimigo, e... será que vai ter torta de melado?Uma das séries de Steampunk mais cultuada do mundo.

Sarcasmo e humor ditam os caminhos seguidos pela protagonista e as observações da autora são sempre espirituosas.  Ela trata moda, sociedade, sexo e sexualidade de uma forma hilária e inteligente. O fato da (amada) protagonista não ter alma torna seus questionamentos e pensamentos muito práticos, mas é com maestria que a autora desenvolve seu caráter e lapida suas atitudes.

Os personagens que ela nos apresenta são bem carismáticos. Alexia é minha preferida, mas não teve um só personagem que não gostei. Mesmo aqueles que nos despertam antipatia tem sua função e se encaixa tão bem ao enredo que não tem como deixar de gostar de cada um. Eu me diverti muito com o jeito afetado de Lorde Akeldama, com a calma e sacadas inteligentes do professor Lyall, fiquei horrorizada com os chapéus da Ivy e impliquei totalmente com a mãe da Alexia.

Falar da Alexia é falar de Lorde Maccon. Os dois parecem não se suportar, mas é evidente que sentem atração mútua. Todas as vezes que os dois se reúnem é certeza que vai se desenrolar diálogos mordazes e provocativos, além de algumas atividades mais físicas, digamos. Formam um casal bem carismático e convincente com seus defeitos e situações inusitadas.

Como não conhecia a autora, fiquei agradavelmente surpresa com sua narrativa e a forma que conduz seu enredo. Os toques steampunks são bem vindos quando aliados a trama cheia de ação e reviravoltas. Embora seja resolvida neste livro a problemática apresentada, fiquei curiosa para ler o segundo volume, 'Metamorfose?" já lançado aqui no Brasil e me deliciar com a inteligência e sarcasmo da Alexia. Leiam!

Sobre o livro:
ISBN: 9788565859042
Série: Protetorado da Sombrinha
Volume: 01
Autora: Gail Carriger
Editora: Valentina
Ano: 2013
Páginas: 308