segunda-feira, 29 de outubro de 2012

RESENHA: Romeu Imortal

Fabiana Araújo

"Não consigo acreditar nisso.
As últimas quatorze horas têm sido um sonho que fica cada vez mais bizarro. Primeiro descobri sobre a aposta; depois, quase sofremos um acidente de carro; em seguida, Dylan age como se gostasse de mim, como se gostasse muito, como se gostasse de verdade. E agora, essa escapada fácil da minha rotina esmagadora. Não dá para acreditar nisso."

Romeu Imortal foi um dos lançamentos da Editora Novo Conceito mais esperados do ano por mim. Não via a hora de colocar as mãos no livro para ler a continuação de Julieta Imortal. Um livro que tem um lugar bem especial na minha listinha de favoritos e no meu coração.

Embora releituras não agradem a todos, eu amei o primeiro livro (resenha aqui)  e estava bem ansiosa para ler a continuação que nos presenteia com a versão do todo errado Romeu. rsrs
Como se trata de uma sequência vou enxugar bastante a resenha para não correr o risco de soltar spoilers gritantes para vocês ok?

Stacey Jay  inicia a história no mesmo ponto onde começou o livro da Julieta porém, os acontecimentos são narrados na maior parte por Romeu e Ariel.
Ariel acaba de descobrir que Dylan só aceitou sair com ela porque fez uma aposta com os amigos. Revoltada e enfurecida com a atitude do rapaz ela resolve por um ponto final no encontro provocando um acidente de carro. Acidente esse que poderia tirar a vida de ambos. Entretanto Romeu, já ‘habitando’ o corpo de Dylan, consegue evitar essa tragédia.
Romeu ganhou uma nova  chance da Enfermeira de Julieta para tentar se redimir dos erros do passado. Para isso ele terá de fazer com que Ariel se apaixone por ele, fazendo-a acreditar no amor.

Agora pensem comigo: como amar uma pessoa que supostamente apostou com os amigos idiotas que ficaria com a ‘esquisita’ do colégio? Como amar uma pessoa que mentiu para você? Que fingiu estar interessado só para se divertir com os amigos e se mostrar como o ‘espertinho’ do colégio? Rá, quando li a sinopse do livro fiquei bem desesperada pra lê-lo. Romeu vai ter um trabalho que nem conto pra vocês. Bem feito (Desculpem mas conhecendo Romeu todo mundo aprende a ser sarcastica rsrs)

Os personagens continuam carismáticos, engraçados e muito divertidos. Stacey Jay tem uma escrita bem fluida e dinâmica. O leitor não se cansa com o texto, os capítulos são pequenos e se alternam entre os narradores, hora Ariel, ora Romeu. E para quem sentiu falta de Julieta vai poder matar saudades \o/

Gostei muito do desenvolvimento que a autora deu pra o livro, perguntas são esclarecidas e os personagens ganham um brilho todo especial durante a narrativa. 
Um personagem que me surpreendeu bastante também foi Gemma, a melhor amiga de Ariel. Fiquei chocada com as revelações sobre a vida dela. Ficou mais fácil entender o 'porque' de certas atitudes dela. 

‘Embaixadores x Mercenários’ vão surpreender muitos leitores. Ainda estou tentando assimilar todas aquelas informações. Especialmente a que nos é revelada mais pro finalzinho do livro o.O #quedó

Só não consegui dar 5 estrelinhas para o livro porque achei meio confusa a alternância de tempo que a autora usou em certos momentos da narrativa. Me sentia perdida tentando descobrir onde os personagens estavam naquele ponto da historia e porquê. 

E nhaaa estou apaixonada pelo epílogo! Não consigo parar de reler. Que coisa mais linda, fofa e SURTANTE! S2
Vou sentir saudades desses dois livros. Não vejo a hora de pegar pra reler. Suuuuuuuuper recomendo. 


“Há somente uma coisa sólida o suficiente para me manter firme, e essa coisa é ela. Eu a amo. Ela é minha cara metade, minha segunda chance, a única coisa no mundo que pode me ensinar a ser mais do que um monstro. Sua fraqueza me mostrou a força que tenho, sua fé me fez acreditar, seu amor me tornou um todo. Nunca vou esquecê-la e nunca vou abandona-la.”

  Booktrailer




Sobre o livro:
Titulo: Romeu Imortal
Autor: Stacey Jay
Editora: Novo Conceito
Número de paginas: 319


sábado, 20 de outubro de 2012

RESENHA: Starters (Starters #1)


Monique Melo

Os pais de Callie morreram um ano atrás, após uma arma química chamada de Esporos atingir todas as pessoas com idade entre 20 e 60 anos. Sem parentes próximos, Callie e seu irmão, Tyler são obrigados a viver em prédios abandonados e constantemente tem problemas para arranjar comida. Para ter condições de morar em um lugar seguro e cuidar da saúde frágil do irmão, Callie resolve alugar seu corpo para um Ender (idoso com mais de 60 anos) através da empresa Prime Destinations. O procedimento consiste em por a consciência do Ender no corpo do Starter. No terceiro aluguel do corpo da Callie, algo dá terrivelmente errado e ela se vê sozinha no meio de um plano arriscado.

A ideia geral do livro é muito boa. Longas e complicadas discussões podem resultar da ética (ou a falta dela) quando se trata do aluguel de corpos e de como as pessoas com mais dinheiro na sociedade pós-guerra dos Esporos se beneficiam das crianças e adolescentes sem familiares. O problema foi que essas questões são levantadas, mas não são desenvolvidas durante a narrativa e tudo fica superficial demais. Ao terminar o livro, fiquei com a sensação que tudo poderia ser melhor explorado, ficado um pouco mais complexo.

Os personagens também não são cativantes e a protagonista com facilidade se desvia do seu objetivo. Várias situações são resolvidas com mais sorte do que pelas atitudes tomadas pela Callie e acho que isso não funcionou bem.

Não estou querendo dizer que o livro é ruim. Como já disse antes, o mote é bom e tem potencial, mas eu cometi o erro de esperar mais do que foi apresentado. Espero que o segundo livro da série apresente mais profundidade no que se refere ao enredo e que os protagonistas possam crescer durante a história.

Sobre o livro:
Starters
Série: Starters
Volume: 01
Autora: Lissa Price
Editora: Novo Conceito
Ano: 2012
Páginas: 368
Booktrailer:


terça-feira, 9 de outubro de 2012

RESULTADO: Primavera de livros com os #BlogueirosPE


E aí, leitores! Como estão?

O sorteio "Primavera de livros com os #blogueirosPE" chegou ao fim e os sortudos foram:

sábado, 6 de outubro de 2012

RESENHA: Apaixonados (Série Fallen)


Monique Melo

Apaixonados é um livro paralelo a série Fallen que trás um pouco do passado dos personagens secundários e, claro, do casal principal. Nesse livro, podemos acompanhar quatro histórias dos personagens da série e ver relacionamentos que eles vivenciaram o que explica um pouco o comportamento de alguns deles.

O primeiro conto é o mais leve e tem a Shelby e o Miles como protagonistas. Eu sempre gostei dos dois na série, e passei a achá-los ainda mais legais. O Miles realmente é muito fofo e Shelby bem divertida.

Roland me surpreendeu. Ele sempre foi um dos personagens que achava mais legais e seu passado tem aspectos tão tristes, mas muito românticos. O conto sobre sua paixão foi realmente muito bom.

A história que mais gostei foi a de Ariane. Para mim, foi a mais cativante e profunda e, por que não, surpreendente. Eu nem desconfiava o que significava a cicatriz que ela tem no pescoço e como era triste sua história.

O conto mais chatinho foi a do casal principal, Luce e Daniel. Para mim não é exatamente uma novidade, mas como os contos anteriores foram muito bons, fiquei com esperança. Infelizmente, Daniel não é um personagem cativante e isso foi uma barreira que não consegui superar.

Senti falta de um conto sobre o Cam, um dos meus personagens preferidos da série. Ele é sempre tão misterioso, então achei que seria uma boa oportunidade de falar mais sobre ele.

O livro tem poucas páginas, mas a escrita e a narrativa da Lauren é boa e acho que para mim funcionou mais com contos do que em histórias longas e isso me ajudou a gostar bastante do livro. Para quem ainda não leu a série Fallen, uma dica: leia pelo menos os dois primeiros volumes (Fallen e Tormenta), pois alguns personagens só aparecem no segundo livro e a probabilidade de ler spoiler é grande.

Sobre o livro:
Apaixonados
Série: Fallen
Autora: Lauren Kate
Ano: 2012
Editora: Galera Record             
Páginas: 182