quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Bienal Internacional do Livro de Pernambuco, Domingo 25 de setembro


Oi! Meu domingo de Bienal foi tão agitado! Para me acompanhar, além dos meus amigos blogueiros também levei meu pai. Foi tão bom quanto o sábado! =)


Dany Wanessa e Larissa – Palavras Prolíferas

Mary Paixão – Muito Pouco Crítica

Thyeri Bione – Restaurante da Mente

Breno Rodrigues – Livretando

Marcos Tavares – Capa & Título

Serena e Maiana – Leitor Cabuloso

Danni – Garotas e Livros


Danni, Dany, Marcos, Mary, Paula Pimenta, Breno, Thyeri e eu.

Dany, Breno,Mary, Thyeri, eu e Danni.


Como não poderia deixar de ser, paguei mico. Enquanto estávamos no estande da Autêntica, tentando comprar os livros da Paula Pimenta com desconto, me viro e vejo a própria entrando. O que eu fiz? Apontei para ela e fiquei sem fala. Eu sei. Foi um King Kong. Mas fui recompensada com um sorriso e um abraço! Se eu já admirava a Paula, agora é a acho maravilhosa!


Livros da Paula Pimenta no estande da Editora Autêntica


Paula Pimenta



Conversamos um pouco com a Paula e tiramos muitas fotos, mas a sessão de autógrafos só começaria dá li há duas horas, então fomos ver uma palestra com a Tammy Luciano, o Enderson Rafael e a Patrícia Barboza sobre o mercado editorial e os jovens autores, realizada no Círculo das Idéias.


Tammy Luciano, Enderson Rafael e Patrícia Barboza.


Ivaldo (meu pai), eu, Breno, Mary, Danni, Dany e Thyeri.


Depois de prestigiar o grupo Novas Letras, fomos para a sessão de autógrafos da Paula Pimenta. O pessoal da editora Autêntica distribuiu botons e ficamos na fila ansiosos pelos autógrafos. Quando chegou minha vez, fui toda animada e a Paula conversou um pouco comigo.


Ela perguntou qual livro da série Fazendo Meu Filme tinha gostado mais. Quando respondi que foi o terceiro, ela disse que percebeu que as meninas mais novas geralmente gostam mais do primeiro, enquanto as leitoras que já saíram da adolescência costumam ter a mesma opinião que a minha. Aproveitei para comentar que estou me apoiando na história da mãe da Ana Elisa para ter esperanças sobre os acontecimentos do final de FMF 3 – O roteiro inesperado de Fani. Ela sorriu e perguntou se eu ainda queria que as coisas dessem certo entre eles e eu afirmei que gostaria que ele sofresse um pouco, mas que tudo voltasse ao normal (não vou citar o nome dos personagens, é spoiler!).



Para encerrar, contei a ela que me impressionei com sua escolha sobre a protagonista de Minha Vida Fora de Série, pois achava que a Natalia ou a Ana Elisa seria a personagem principal. A Paula me disse que essas duas são próximas demais da Fani, e como a Priscila tem participações mais pontuais, ficava mais fácil e bem menos redundante falar sobre a vida dela.


Paula Pimenta <3


Feliz com meus livros autografados, voltei ao estande da Pernambooks para comprar o livro da Tammy Luciano, pois não deu para adquiri-lo no sábado. Ela autografou nossos livros e ficamos novamente conversando com ela (sempre fofa) e com o Enderson (sempre simpático). Meu pai embarcou numa conversa animada com o Enderson, falando como influenciou meu gosto pela leitura. E, como não poderia deixar de acontecer, tiramos várias fotos.


Enderson Rafael e Tammy Luciano.

Mary, Tammy Luciano, Serena, Breno, Danny, Marcos, Thyeri e eu.


Para finalizar, a Mary Paixão teve idéia de gravar um vídeo com os blogueiros falando sobre seus respectivos blogs. O áudio não está muito bom, pois estava muito barulho na Bienal, mas vale a pena assistir. Além desse, tem mais dois vídeos: um na fila para autógrafos da Paula Pimenta e outro esperando a palestra do Novas Letras. Também vou postar mais fotos. Espero que se divirtam tanto quanto eu!


Blogueiros na sessão de autógrafos da Paula Pimenta na Bienal de PE.


Blogueiros na Bienal de Pernambuco


Blogueiros na Bienal de Pernambuco (apresentação)

.

Mais fotos:


Blogueiros reunidos.

Serena

Thyeri e Dany

Breno, Serena, Thyeri, Dany e eu.

Paula Pimenta e Larissa.

Fabi

Eu no momento Marcos Tavares: "sou da imprensa"

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

RESENHA: O Livro Maldito

"Tudo o que você precisa saber se não for um mané."

Minta para um polígrafo. Assalte um banco. Faça um filme pornô. Forje a própria morte. Arrombe fechaduras. Vicie dados. Tenha o seu próprio harém. E coisas muito, mas muito piores...

Assim que peguei o livro pela primeira vez, li o título, o subtítulo e a contracapa e tive a certeza de que me enviaram o livro errado. Depois de folhear, pensei com meus botões: esse autor é completamente louco!

Entretanto, "O Livro Maldito" é o cômico resultado de uma pesquisa feita pelo publicitário e escritor Christopher Lee Barish, cheia de artimanhas, jogatinas e ilegalidades necessárias para você se tornar uma pessoa má e rica. As ilustrações de Christian Kunze deixam o livro ainda mais engraçado.

Confesso que os primeiros capítulos não são os mais interessantes, mas a medida que fui lendo, fiquei me imaginando em cada uma das situações descritas. Quando pensava em parar de ler, um título me chamava a atenção e acabei lendo o bendito do livro em dois dias. E de fato o autor soube me prender até o final, deixando o que tinha de melhor por último. Um deles é simplesmente 'Como ter a própria plantação de maconha'. Me diverti bastante!

Um ponto negativo de "O Livro Maldito" é, segundo Christopher: "as maldades apresentadas neste capítulo dizem respeito, em parte as leis vigentes nos Estados Unidos. Mas, certamente, essas mesmas maldades poderão inspirar você a se livrar de outras roubadas." E acredito que a maioria das maldades não funcionariam se fossem baseadas nas leis do Brasil. Mas nada que o famoso jeitinho brasileiro não resolva. 

Por isso, não desanime. Vale a pena passar algumas horinhas rindo das maldades e imaginando até onde uma pessoa iria para praticar maldades e se dar bem. Me arrisco a dizer que esse livro é baseado na Lei de Gerson. Não conhece? Vou resumir pra você: certa pessoa age de forma a obter vantagem em tudo que faz, no sentido negativo de se aproveitar de todas as situações em benefício próprio, sem se importar com questões éticas ou morais. Uma propaganda de 1976, que apresentava o meia armador Gérson da Seleção Brasileira de Futebol como protagonista, deu origem ao nome da lei. Clique aqui e entenda melhor.

Enfim, "O Livro Maldito" tem 176 páginas e propõe uma leitura muito breve, objetiva e divertida. Recomendo! Afinal, você é ou não é um mané?


Sobre o livro

Título: O Livro Maldito
Editora: Best Seller
Páginas: 176
Lançamento: 2011

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Bienal Internacional do Livro de Pernambuco: Sábado, 24 de setembro


Monique Melo

Oi gente!

A VIII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco começou dia 23/09 cheia de atrações como o Zeca Baleiro e Laurentino Gomes. Infelizmente, não pude ir ao primeiro dia da Bienal, mas o segundo e terceiro me compensaram de uma forma incrível!

Primeiro ponto a ser observado: é bom demais curtir um evento sobre livros com quem ama ler! Reencontrei pessoas queridas e conheci outras super legais que, juntas, fizeram dos meus dois dias de Bienal uma experiência inesquecível! Parecia uma reunião não oficial dos blogueiros pernambucanos:


Dany Wanessa – Palavras Prolíferas

Mary Paixão – Muito Pouco Crítica

Thyeri Bione – Restaurante da Mente

Breno Rodrigues – Livretando

Esdras – Art Around the World

Marcos Tavares – Capa & Título

Serena, Lucien, Maiana e Menino Estranho – Leitor Cabuloso

David Riff – Sobre Livros


O foco é o livro, mas nos divertimos bastante testando o copinho de papel (e bebendo a água toda do estande kkkk ). Além de ficar babando por algumas coisas tipo, chocolate gelado... Né, Mary e Breno?


No estande da Editora Vermelho Marinho fizemos aquela farra! O pessoal de lá, mega simpático, deu desconto para blogueiros e conseguimos comprar alguns livros muito legais, inclusive do Julio Rocha, autor de Acanãs que, além do desconto, autografou nossos livros e fez questão de tirar uma foto conosco.


Breno, Bia, Thyeri, Mary, Julio Rocha, David, eu, Marcos, Dany, Esdras e Pedro


Primeira rodada de livros comprados, corremos para o Café Cultural para uma conversa sobre os desafios de escrever para jovens leitores com os autores do grupo Novas Letras, Tammy Luciano, Enderson Rafael e Patrícia Barboza. Adorei os comentários dos autores sobre o assunto, foi tudo muito interessante.


Patrícia Barboza, Tammy Luciano e Enderson Rafael


Depois da palestra, nos encaminhamos para o estande da Pernambooks onde Enderson Rafael e Tammy Luciano estavam autografando seus livros, Todas as estrelas do Céu e Sou Toda Errada, respectivamente. Acho que é impossível descrever o quanto os dois são simpáticos! Atenciosos demais, bateram papo com nosso grupo além de nos aguentar tirando tantas fotos! Ainda ganhei uma bolsa para livros do Enderson e a Tammy autografou marcadores e me deu botons para sortear no blog.


Enderson Rafael

Tammy Luciano


Deixei de importunar os autores da Novas Letras e fui com uma parte do pessoal olhar a sessão se autógrafos da Thalita Rebouças. A garotada estava super animada e creio que não teve do que reclamar. A autora se mostrou bastante receptiva e simpática.


Thalita Rebouças


Depois de um dia agitado (e perfeito!), cheio de livros, encaramos a volta para casa que foi outra aventura (muito engraçada por sinal). Amanhã tem mais Bienal do Livro Pernambuco! Fiquem com mais algumas fotos. =)


Marcos, Breno, Thyeri e Dany

Marcos, Breno e Dany

Breno

Serena e Maiana

.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

RESENHA: Cowboys and Aliens

Guilherme Magalhães

Houve um tempo em que um homem só podia contar com seu cavalo e sua pistola. Os índios travavam uma batalha perdida contra colonos europeus e cowboys vagavam em busca de recompensa.


Até que alguém de fora entrou na briga - um invasor que via os humanos como inimigos, e estava determinado a conquistar o nosso mundo."

O livro é uma HQ que acompanha a história de Zeke, um cowboy contratado para levar um padre e seus fiéis para Silver City. Entretanto, a campanha deles é atacada por índios Apache. Quando ele vai em busca de reforços, é cercado pelos índios hostis. Porém, ele é salvo da morte certa por um súbito estrondo e a queda de um estranho objeto voador nas proximidades. Zeke foge e os índios que o cercaram vão tentar contato com os aliens - e são mortos. Os alienígenas pretendem conquistar o planeta, o que une índios e cowboys contra um inimigo comum.

A primeira coisa que chamou a minha atenção foi a arte da HQ, de altíssima qualidade. A capa é belíssima, e nem se fala dos desenhos de cada um dos quadros. O livro é um show de cores e desenhos de muito bom gosto, muito bem feitos. O enredo então, nem se fala, porque é muito bem escrito, conectado com maestria.

Uma coisa que particularmente me interessou na história, foi o paralelo que os autores criam entre a invasão dos aliens sobre a humanidade a a do homem branco sobre os índios - uma civilização com tecnologia superior e mais forte dominando a mais fraca através da força, eliminando e escravizando nativos para tomar posse da terra. Não é só um livro de ficção científica, mas também é, um pouco, um grito de solidariedade pelo que foi feito com os indios.

Para quem não sabe, o livro foi transformado em filme, com Harrison Ford, Olivia Wilde e Daniel Craig e Olivia Wilde. Alguém viu o filme? O que acharam??

Sobre o livro

Título: Cowboys & Aliens HQ
Editora: Galera Record
Edição: 1
Páginas: 112
Lançamento: 2011

Trailer do filme

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Bienal Internacional do Livro de Pernambuco: Programação


Bienal Internacional do Livro de Pernambuco começa amanhã e estou muito ansiosa! A Fábrica vai cobrir o dia 24 e 25 de setembro, então fiquem ligados na programação deste fim de semana!

SEXTA - 23 DE SETEMBRO

12:00 – Solenidade de abertura, com homenagens a Mauro Mota e Ronaldo Correia de Brito, no Auditório Beberibe.
Participação de Marcos Vinicius Vilaça, Presidente da Academia Brasileira de Letras.
- Saudação a Ronaldo Correia de Brito, Lourival Holanda, da Universidade Federal de Pernambuco.
- Apresentação da Orquestra Jovem Criança Cidadã dos Meninos do Coque.

14:00 - Duas em Pontos – Pontos de Leitura de Pernambuco: Cortejo com todos os Pontos de Leitura, no pavilhão do CECON.


14:00 – Fórum da ALEPE – Frente Parlamentar de Comunicação em Pernambuco
, palestra do Deputado Ricardo Costa, no Círculo das Ideias.


15:00 – Contação de Histórias,
no stand da REleitura.


15:00 – Poesia e o Prêmio Moacyr Scliar
– Participantes: Ricardo Silvestrin (Diretor do Instituto Estadual do Livro – RS), no Círculo das Ideias.


16:00 – “Tecidos de vozes: questões indígenas”
- Karina Calado conversa com Graça Graúna, no Círculo das Ideias.


16:00 – UNICAP – 60 ANOS – Imprimindo Humanismo e Cidadania - “Literatura como construção de novos humanismos”.
Painéis: “E a palavra se fez cidadã e habitou entre nós: as homilias de Frei Aloísio Fragoso”, Profa. Elizabeth Siqueira;
“A exclusão e os excluídos na poesia de Manuel Bandeira”, Profa. Fabiana Câmara Furtado;
“A escuta da palavra silenciada” Profa. Haidée Camelo Fonseca, no Auditório Brum.


17:00 – “Crônica em ponto de Bala”
- Marcelo Pereira conversa com Zeca Baleiro, no Círculo das Ideias.


18:00 – “1889”
Palestra de Laurentino Gomes. Mediação: Antonio Paulo Rezende, no Círculo das Ideias.


19:00 – Cine SESC – Três olhares sobre a poesia pernambucana moderna
– Sessão

O poeta do Castelo, dir. Joaquim Pedro de Andrade (RJ, 1959, DOC, 12’)
Morte e vida Severina, dir. Afonso Serpa (BR, 2010, ANIMAÇÃO, 56’)
Soneto do Desmantelo Blue, dir. Cláudio Assis (PE, 1993, FIC, 9’)
Convidados: Afonso Serpano Ribeira, no Auditório Ribeira.


19:00 – PAIOL LITERÁRIO Especial Bienal
– Rogério Pereira conversa com Ronaldo Correia de Brito, no Círculo das Ideias.


20:00 – UNICAP – 60 ANOS – Imprimindo Humanismo e Cidadania
- “Literatura e direitos humanos” Painel: “Arfando sob o espartilho: direito e sexualidade feminina na literatura do século XIX” Profa. Andrea Almeida Campos e Profa. Ana Lúcia Francisca, no Auditório Brum.

SÁBADO - DIA 24 DE SETEMBRO

10:00 – Seminário das Academias de Letras de Pernambuco - Sessão de trabalhos literários da Academia de Letras de PE.

10:00 – Laboratório SESC de Autoria – Oficina de Crítica Literária
com Frederico Barbosa (PE/SP), no Círculo das Ideias.

11:00 – UNICAP – 60 ANOS – Imprimindo Humanismo e Cidadania:”Lavoura arcaica: o filho pródigo na obra de Raduan Nassar”, com o Prof. Dr. Cláudio VianneyMalzoni, no Auditório Brum.


12:00 – “Cadeia produtiva do livro e seus desafios”
, Rodrigo Sushi, Editora Paés, no Café Cultural.


13:00 – “O lugar da Leitura na Educação Infantil: Leitura e desenvolvimento infantil na perspectiva das professoras”
– Secretaria da criança e da juventude de Pernambuco – Curadoria: Carminha Bezerra, no Círculo das Ideias.


13:00 – “A Linguagem do Teatro para a Infância”
. Minicurso. Facilitador: Adriano Marcena (Dramaturgo), no Auditório Brum.


14:00 – Duas em Pontos – Pontos de Leitura de Pernambuco
e Paraíba – Programa MAIS: Manifestações de Arte Integradas à Saúde/Centro de Formação de Professores Paulo Freire, no Círculo das Ideias.
14:00 – Oficina Livro na Hora
, no stand da REleitura.


14:00 – Seminário das Academias de Letras de Pernambuco
, no Auditório Ribeira.


15:00 – Painel sobre Literatura de Cordel,
com Maria Alice Amorim e Arnaldo Saraiva, no Café Cultural.


15:30
Biblioteca Pública do Estado – Sarau Lítero-Musical:“O Poeta e o Historiador da Liberdade: Mauro Mota e Amaro Quintas”, com Marly Mota e Paulo Gustavo de Oliveira. Abdias Moura e Antônio Paulo Rezende e Fátima Quintas, no Círculo das Ideias.


16:00 – “Politicamente incorreto é o escambau”
– Palestra de Duda Teixeira sobre o Guia Politicamente Incorreto da América Latina, no Café Cultural.


17:00 – “As raízes culturais brasileiras no universo de Câmara Cascudo
”, palestra de Palestra de Anna Maria Cascudo Barreto, no Círculo das Ideias.


17:00 – “Os desafios de escrever para jovens leitores
” Conversa com os autores Enderson Rafael, Tammy Luciano e Patrícia Barboza, no Café Cultural.


18:00 – “Literatura: conversa de meninos e meninas.”
Marjones Pinheiro onversa com Thalita Rebouças, no Auditório Brum.


18:00 – “Oficinas literárias”.
Raimundo Carrero conversa com Assis Brasil (Secretário de Estado da Cultura – RS), no Círculo das Ideias.


18:00 – “E por que publicar em tempos de penúria?”
Pedro Salgueiro conversa com Lau Siqueira e Rogério Pereira, no Café Cultural.


19:00 – “Não alimente a escritora: linhas limítrofes entre poesia e performance”
Conversa com a escritora Telma Scherer (RS), no Café Cultural.


19:00 – Cine SESC, Natureza e paisagem afetiva em Manoel de Barros
– Sessão Só Dez por Cento é Mentira (BR, 2010, DOC, 76’) – Direção: Pedro Cezar, no Auditório Ribeira.


19:00 – “Literatura, novas mídias e outras mentiras”
– com Antonio Prata e Samarone Lima, no Círculo das Ideias.


20:00 – “Calle Amazonas: a alma humana na selva”
, Vandeck Santiago conversa com Bernardo Gutiérrez, no Círculo das Ideias.

DOMINGO - DIA 25 DE SETEMBRO

10:00 – Laboratório SESC de Autoria – Oficina de Crítica Literária com Frederico Barbosa (PE/SP), no Círculo das Ideias.

10:00 – Contação de Histórias, no stand da REleitura.

10:00 – Projeto Inovaler
– Palestra literária fazendo arte com improviso – Recital com intervenção, no Auditório Brum.

11:00 – “Literatura Africana em Língua Portuguesa”
, com Kleyton Pereira, Joelma Gomes dos Santos e Zuleide Duarte, no Café Cultural.


12:00 – Editora Paés
– Rodrigo Sushi – “Cadeia produtiva do livro e seus desafios”, no Café Cultural.


13:00 – Colégio Geo Petrolina
– “Adolescentes leitores: relatos de experiência” – Alunos do clube de Leitura, mediados pelo Prof. Genivaldo Nascimento, no Círculo das Ideias.


13:00 – HEMOPE
– Doação de sangue: essa atitude faz a diferença, no Auditório Brum.


13:00 – Secretaria de Educação
- Oficina: Contos Africanos com Judite e Carlos, no Auditório Ribeira.


14:00
“Literatura e negritude em Pernambuco”, com Lepê Correa, no Café Cultural.


14:00 – Duas em Pontos -
Pontos de Leitura de Pernambuco e Paraíba: Programa MAIS: Manifestações de Arte Integradas à Saúde/Centro de Formação de Professores Paulo Freire, no Círculo das Ideias.


15:00 – “O mercado editorial e os jovens autores”
– Bate-papo com Tammy Luciano, Enderson Rafael e Patricia Barboza. Mediação: Ney Anderson, no Círculo das Ideias.


15:00 – “Tecnologia e educação”
Alexandre Albuquerque e Vancleide Jordão”, no Café Cultural.


15:00 – Apresentação do Baile dos Seres Imaginários
, no Círculo das Letras.


15:00 – Seminário “Literatura, cidadania, ciência e espiritualidade”
Bullies… reflexos do processo educacional?” com Heloisa Pires (SP) e Humberto VasconcelosJúnior (PE), no Auditório Brum.


16:00 – Painel: “Mauro e Cabral: poesia e memória”
, com Inez Cabral de Melo, Roberto Mota e Lucila Nogueira, no Círculo das Ideias.


16:00 – “ANTIBULLYING – uma nova estratégia para compreender e prevenir
. FAFIRE. Palestra: Professor Silvio Costta (SP)” Mediador: Eduardo Fonseca, no Café Cultural.


16:00
- Secretaria de Educação Mesa Redonda: A Representação do Negro no Livro Didático do Ensino Fundamental – Palestrantes: Dayse Cabral de Moura e Janaína Ângela da Silva, no Auditório Ribeira.


17:00
- “Literatura, identidade, memória e transculturalismo”, Alfredo Cordiviola conversa com Carola Saavedra, no Círculo das Ideias.


17:00
- “Crowdfunding: o impacto do financiamento colaborativo no mercado editorial” Rodrigo Sushi conversa com Tarciana Portela “, no Café Cultural.


18:00 – “Livros, adolescentes e outros monstros”,
com Cláudia Felício e Cícero Belmar, no Círculo das Ideias.


18:00 – “Conversa com o autor: Charles Kiefer (RS)”,
no Café Cultural.


19:00 – “Literatura e Cinema”
Jacinto Santos conversa com Edivania Maria da Silva, no Café Cultural.


19:00 – CINE – SESC Antropofagia e experimentalismo na poesia pernambucana
– Sessão JMB, O Famigerado (BR, 2011, DOC. 105’) Direção: Luci Alcântara – Convidada: Luci Alcântara, no Auditório Ribeira.


19:00 – Painel sobre edições independentes: “Independência ou”
, com Marcelino Freire, Allan da Rosa e Fábio Andrade, no Círculo das Ideias.

Não esqueçam que domingo às 17h no estande da Editora Autêntica, tem a Paula Pimenta, autora da série fazendo Meu Filme lançando seu novo livro: Minha Vida Fora de Série – 1° Temporada.

Encontro com vocês na Bienal! =)

Monique Melo

@monique_melo

sábado, 17 de setembro de 2011

RESENHA: Paixão (Fallen #3)


Monique Melo


Nesse livro, os capítulos são alternados entre a perspectiva da Luce e do Daniel. Os capítulos da Luce eram maiores e explicavam melhor sobre o lugar e a vida da Lucinda daquela época. Já os pertencentes aos Daniel eram mais curtos e focados na busca por Luce. As passagens da Luce me agradaram mais, pois ainda não me curei da antipatia que sinto pelo Daniel (ainda prefiro o Cam e o Miles).


Ler como eram as outras “Lucindas” foi muito bom e a Lauren Kate descreveu as encarnações da Luce em vários lugares e épocas muito distintas umas das outras, o que leva o leitor a aprender um pouco dos costumes de cada lugar.


As viagens da Luce por suas vidas eram interessantes, mas logo se tornaram cansativas. Ela parecia nunca saber exatamente o que estava procurando e, na maioria das vezes, só se preocupava se o amor de Daniel era realmente verdadeiro ou efeito da maldição. Certo, isso é importante, mas será que não tinha nada mais urgente a se saber além disso? Como, por exemplo, o motivo para a maldição ter caído sobre eles? Por mais estranho que pareça, quem dá uma parte da explicação sobre isso é o Daniel, quando faz seu último retorno ao passado.


Senti falta demais dos outros personagens, principalmente da Shelby e do Miles. Aparecem poucas vezes em Paixão, assim como os outros anjos. Praticamente tem participação somente no último capítulo. A exceção é Cam, de quem ficamos sabendo mais do seu passado e continua sendo meu personagem favorito.


O final tem um gancho legal para Rapture, quarto livro da série, apesar de um pouco diferente. Ainda acho Tormenta o melhor da série até o momento, por saber mesclar melhor as cenas de ação, romance e mistério e prender muito mais a atenção do leitor. Não sei se a mudança de ritmo entre Fallen e Tormenta me deixou com expectativa demais para Paixão, mas ao terminar de ler fiquei com sensação que poderia ser melhor de diversas formas. Fico na esperança de Rapture superar os livros anteriores.


Sobre o livro:

Paixão

Série: Fallen

Volume: 03

Autora: Lauren Kate

Ano: 2011

Editora: Galera Record

Páginas: 377

Site da autora: AQUI

Twitter da Autora: AQUI

Facebook: AQUI

Booktrailer (Legendado Equipe Sobre Livros):