quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

RESENHA: Sonhei que amava você

Ele estava vivo nos meus sonhos. E que sonhos! Mas era pouco. Eu queria ele na minha vida. Uma história cativante e inesquecível, cheia de mistérios e perguntas a serem respondidas. Pode um grande amor existir somente enquanto sonhamos? Kira, aos 22 anos, está apaixonada, vivendo um momento único de amadurecimento pessoal e profissional. Quem é o sedutor garoto que transforma suas noites em poesia e êxtase? Mas, apesar do maravilhoso momento que está vivendo, a garota terá que enfrentar obstáculos e barreiras. Mas sabe que a vida reserva o melhor para o final. Um convite para dar asas à imaginação e aquecer o coração.

A temática de sonhos abre um leque de possibilidades que a autora soube aproveitar muito bem. Usando os sonhos da Kira, ela vai montando um romance que tem tudo para ser leve e cheios de boas lembranças até que, em determinado momento, a autora resolve nos surpreender. De romance e mistério para um livro que apresenta um pouco de suspense, ação e drama. Não vou mentir: eu gostei bastante disso, sempre me animo mais com essa combinação do que ter romance o tempo todo.

A narrativa em primeira pessoa e o fato do livro se passar no Brasil, aumentam a identificação com o leitor, assim como a rotina inicialmente muito normal da Kira. Os sonhos são bem narrados e as referências a lugares, livros e músicas só deixam o enredo mais interessante.

O livro também trata das relações familiares da Kira e o fato da família não ser perfeitinha me agradou, assim como eles não terem medo de demonstrar quanto se amam. Todos os personagens são bem desenvolvidos, desde o casal de protagonistas, que foram se envolvendo aos poucos, como os secundários. Eu gostei do Cadu e do Cafa, irmãos da Kira, e suas personalidades.  A autora conseguiu me deixar morrendo de raiva de uma personagem e não teve sequer um momento que eu simpatizei com ela. Creio que esse era o objetivo, então a Tammy pode se dar por satisfeita, a Jalma foi odiada com gosto.

Pontos que não gostei? Alguns diálogos me pareceram deslocados em relação a determinadas situações, perdendo um pouco da naturalidade que deveriam ter. Não é nada que comprometa o enredo, nem desmereça o livro, mas quebrava um pouco o ritmo da leitura que até então flui muito bem. E eu queria muito ter acompanhado mais um certo casal secundário...

Uma coisa bastante legal sobre o livro é que a seleção da capa foi feita pelos próprios leitores. Achei a iniciativa da Valentina muito válida, assim como o trabalho gráfico mais uma vez está muito bom. O livro é bom e é uma boa pedida para quem gosta de romance.

Sobre o livro:
ISBN: 9788565859455
Autora: Tammy Luciano
Editora: Valentina
Ano: 2014
Páginas: 296

3 comentários:

  1. Eu costumo achar muito estranho os livros que se passam no Brasil, não sei porque, até quando se passam fora e as pessoas vem para o Brasil eu costumo ter certa dificuldade; Nunca li nada da Tammy, porém o livro apesar da capa mara, não me chamou muita atenção, mas quem sabe algum tinha eu tenha oportunidade de ler e goste xD

    ResponderExcluir
  2. Achei bem legal e exótica essa proposta do livro.
    Não li o livro e nem tinha ouvido nada sobre ele ainda, dai me veio a dúvida se eles conheceram no mundo real e começaram a se ver/apaixonar nos sonhos ou se tudo se desenvolveu no mundo de Morpheu.
    Enfim, acho que seria uma boa opção para leitura nessas férias, com uma narração que parece ser leve e bem construída e com um enredo que prende o leitor.

    ResponderExcluir
  3. Vi esse livro quando a editora veio justamente com a proposta dos leitores escolherem a capa, desde então que estou curiosa pra saber como é o livro... Achei bem diferente a ideia do romance se passar nos sonhos, nunca vi algo parecido antes, e me intrigou demais... Gostei de saber que a personagem é um tanto quanto normal, com a sua rotina de todo dia e sem ser cheia de "perfeições"... Quero muito ler esse livro!
    Kisses =*

    ResponderExcluir