sábado, 22 de fevereiro de 2014

RESENHA: O mundo pelos olhos de Bob

Imaginem a felicidade da criança quando descobriu que a estória do gatinho que me cativou tanto tinha ganho não só uma,  mas duas novas sequências. Foi uma alegria genuína, tendo em vista que no ano passado o livro entrou para minha seleta lista de favoritos.
Quando li o título do novo livro fiquei imaginando se o narrador seria o mesmo. Eu não sei vocês, mas me peguei pensando por um momento se poria ser narrado por Bob. Pois é, as vezes dou cada viajada na maionese HAHAHA. Mas é claro que isso não seria muito lógico tendo em vista que isso não é uma fábula. Embora, o leitor as vezes tenha a impressão que Bob entende melhor seu entorno que ninguém. E se alguém tinha dúvidas, esse livro vai nos fornecer fatos para acreditar em tal impressão. Eita gatinho esperto. É muito tocante e motivador acompanhar a vida de James e Bob nas ruas. É reconfortante comprovar a cada capitulo o quanto esse amor é incondicional e essencial. E muitas das vezes mais essencial para James do que para Bob.

Neste volume acompanhamos de forma mais ampla e detalhista a vida dos dois nas ruas, o trabalho árduo vendendo revistas para ganhar seu sustento, a implicância constante de uns poucos. E o leitor se pega chocado por partilhar de alguns questionamentos: quem nunca teve medo de um morador ou vendedor ambulante de rua e se perguntou “porque não arrumam um emprego de verdade?”. Ou também se pegou imaginando como esse ser humano foi parar no mundo das drogas? É esse tipo de reflexão que dá um toque particular ao livro de James. Ele, juntamente com Bob, nos fazem refletir sobre assuntos para os quais geralmente fechamos os olhos, nos acomodando com o tal “não é problema nosso, isso é função do governo. Ou quem sabe da polícia.” Como se cidadania não fosse um direito de todos. As vezes somos uma sociedade bem hipócrita e o medo só agrava esse fato. Infelizmente!

Embora tenha gostado bastante do livro um ponto me incomodou: a linha de tempo não mudou muito em relação ao livro anterior. Isso me deixou com aquela sensação de mais do mesmo, entendem? Eu queria mesmo era saber como estava a vida deles depois do livro e isso, infelizmente, foi deixado bem para o finalzinho. O final ficou muito corrido, mas quem sabe no próximo livro isso mude. Ansiosa por ‘Bob, um gato fora do normal’.
Não faço ideia de lugar para onde nossa aventura nos conduzirá em seguida. Mas sei que, enquanto estiver por perto, Bob estará no cerne de todas as coisas boas que acontecem. Ele é meu companheiro, meu melhor amigo, meu professor e minha alma gêmea. E continuará sendo tudo isso. Sempre.

Procurando por imagens acabei encontrando essa reportagem feita pelo jornal nacional, vale a pena conferir <3






Sobre o livro:
Título: O mundo pelos olhos de Bob
Autor: James Bowen
Editora: Novo Conceito
Páginas: 220


A série:
2-O mundo pelos olhos de Bob
3-Bob, um gato fora do normal


Leia um trecho do livro aqui



Um comentário:

  1. Olá! Ainda não li Um gato de rua chamado Bob, mas está na minha lista e pretendo ler em breve também, só tenho visto elogios!

    Achei bem interessante o assunto dos livros, confesso que quando penso em "O mundo pelos olhos de Bob", imagino que o gato é quem conta a história rsrs
    ainda sim, acho interessante o livro provocar essa reflexão, pois, mesmo sem querer, julgamos muito os moradores de rua sem ao menos ter conhecido sua história e entendermos como foram parar nesta situação e acabamos por não ajudar. Estou com muita vontade de entrar nesse mundo também, sou apaixonada por gatos e estou louca para conhcer a vida de Bob e seu dono, deve ser um livro muito lindo e emocionante, o segundo também! :)

    ResponderExcluir