terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Lemos na Fábrica: Dezembro 2019

O final do ano foi bem agitado nas leituras e fiquei feliz por ter encontrado livros e mangás que me agradaram muito!


"O livro do juízo final",Connie Willis: A autora apresenta um enredo maravilhoso onde viagens no tempo para estudo do passado são uma realidade. A viagem realizada por Kivrin é o começo de duas situações perigosas e a autora faz uma paralelo entre a forma de reagir nos dois períodos, nos fazendo refletir sobre as ações dos personagens e suas crenças. Link da resenha aqui.



"Teto para dois", Beth O'leary: Nunca imaginei que Teto para dois me ganharia tão fácil! Romance com personagens cativantes, engraçados e com vidas complicadas. Adorei a comunicação por bilhetes e como a autora fala sobre assuntos muito sérios com leveza. Tiffy e Leon contaram com muita química e ótimas amizades.Resenha aqui.


"Sempre foi ela", Thaisa Lima: Bem clichê, porém divertido.


"Escrito em algum lugar", Vitor Martins: Eu quase passo mal de rir em diversos momentos (uma cena em específico me fez engasgar no meio da risada) e eu amei cada personagem. Meio que me identifiquei como fã mais velha no meio de adolescentes. E ainda me sobrou tempo para surtar por um casal fofo demais!


"Saint Seiya - Os Cavaleiros do Zodíaco - Kanzenban #10", Masami Kurumada: O Shun foi o destaque desse volume! Lutou muito bem, só bobeou um pouco na última luta. O Shiryu faz uma ótima luta também, mas o mangaká não cansa de deixar o coitado cego, não é? Essa repetição de acontecimentos cansa um pouco.Quero ver agora como esse inimigo, que sabe tão bem lidar com o emocional dos cavaleiros, vai ser derrotado.


"Blue exorcist #21", Kazue Kato: Dizer que Rin e Yukio estão passando por momentos tensos não dá conta de descrever tudo que aconteceu. Yukio chegou num ponto que dificilmente eu imaginaria quando comecei a ler o mangá, e agora acho que não tinha outra maneira do enredo continuar. Ele toma decisões pelo que acredita ser a melhor forma de conhecer a verdade e a parte que se sentia inferior ao Rin se faz presente. Por outro lado, o Rin enfrenta um lado que não queria encarar novamente. E um dos maiores atrativos do mangá, a relação entre os irmãos, sofre uma ruptura muito difícil, mas que abre várias possibilidades no futuro dos dois.


"Blue exorcist #22", Kazue Kato: Parece que finalmente teremos algumas explicações e, do pouco mostrado, já temos alguns pontos pesados como a origem do Fujimoto, e de onde a mãe do Yukio e Rin veio. Essas novas informações me deixaram em alerta sobre a Shiemi, pois imagino que uma parte do seu passado também será envolvido.


"Furi Fura - Amores e desenganos #04", Io Sakisaka: Fiquei orgulhosa do Rio. Ele finalmente entendeu que os sentimentos e escolhas da Akari e quanto custava a ela cada decisão. A Hyuna também me deixou feliz enfrentando mais uma limitação própria e evoluindo como pessoa. O Kazu é sempre um amor!


"Game - Jogo proibido #03", Mai Nishimata: A Sayo não me decepciona. Mesmo quando algo que ela não gosta acontece procura resolver mesmo que lhe cause dor. Ela respondeu a altura quando o Kuriyama, confuso sobre seus sentimentos por ela, se comporta de forma estranha e com pouco respeito sobre o que ela sentia. Fiquei aliviada por ver que ela não deixaria passar, porque foi uma passagem bem desconfortável, pelo menos pra mim.Vamos ver como Kuriyama vai lidar com a Sayo sabendo a importância que ela está conquistando na sua vida.


"Gate 07 #02", CLAMP: Como faz um tempo que li o primeiro volume, demorei a me situar nos acontecimentos. Assim que consegui entender a dinâmica do enredo, vi que a trama está mais elaborada e os novos personagens somaram bastante. Mais do que curiosa sobre Hana, estou ávida por saber mais de Tachibana. O que mostraram agora já me deixou bem interessada e imagino que vamos ter um bom desenvolvimento dele.


"Gate 07 #03", CLAMP: Foi um volume bem divertido, embora não tenha me adicionado nada de informação. O ganho maior é ver as relações se desenvolvendo, mesmo que girem em torno de Hana. Ainda estou curiosa com o Tachibana e com o Sakura e os acontecimentos somente intensificaram isso.

Quais foram as últimas leituras de vocês em 2019?

Um comentário: