segunda-feira, 1 de junho de 2020

RESENHA: Uma dama fora dos padrões (Os Rokesbys - Livro 01)

Primeiro livro da nova série de Julia Quinn, Os Rokesbys.
Julia Quinn já vendeu mais de 850 mil livros pela Editora Arqueiro.
Às vezes você encontra o amor nos lugares mais inesperados...
Esta não é uma dessas vezes.
Todos esperam que Billie Bridgerton se case com um dos irmãos Rokesbys. As duas famílias são vizinhas há séculos e, quando criança, a levada Billie adorava brincar com Edward e Andrew. Qualquer um deles seria um marido perfeito... algum dia.
Às vezes você se apaixona exatamente pela pessoa que acha que deveria...
Ou não.
Há apenas um irmão Rokesby que Billie simplesmente não suporta: George. Ele até pode ser o mais velho e herdeiro do condado, mas é arrogante e irritante. Billie tem certeza de que ele também não gosta nem um pouco dela, o que é perfeitamente conveniente.
Mas às vezes o destino tem um senso de humor perverso...
Porque quando Billie e George são obrigados a ficar juntos num lugar inusitado, um novo tipo de faísca começa a surgir. E no momento em que esses adversários da vida inteira finalmente se beijam, descobrem que a pessoa que detestam talvez seja a mesma sem a qual não conseguem viver.

O que me fez ler esse livro? Julia Quinn! Estou sempre disposta a ler qualquer livro dela, principalmente quando preciso de enredos leves e divertidos. Com ela não tem erro.

E não tinha como dar errado mesmo o livro, afinal tem os Bridgertons! Mais especificamente, a filha mais velha do Anthony. Ela, como o título diz, não é o que pode-se chamar de padrão para a época, e sabe disso. Ela gosta de lidar com a propriedade do pai, administrar suas terras, mesmo que o direito de herança seja do filho homem mais velho, além de não ser muito animada com as ocupações com as quais as mulheres eram acostumadas. Já George é o herdeiro da sua família e se ressente um pouco disso, pois seus irmãos fazem parte das forças armadas e ele não. Sendo mais contido e responsável, ele também não se sente tão próximo da Billie quantos os Edward e Andrew, e algumas cenas muito boas resultam desse sentimento.

Uma das coisas que mais gosto é como a amizade de Billie e George ainda tem espaço para crescimento e conhecimento, mesmo convivendo durante anos. Certo, eles não eram o exemplo de união, mas quando os dois partem para outro nível desse conhecimento, entendem que há muito a se descobrir. 

Se na série Os Bridgertons tínhamos uma mãe maravilhosa e esperta o suficiente para manipular os filhos (de uma forma boa e engraçada), aqui esse posto é da Condessa, a mãe do George. Ela sempre fazendo as dela para unir o filho com quem ela achava adequada. Ri muito quando percebi sua sabedoria em prever exatamente os pontos certos para conseguir uma reação do George.

A maneira escolhida pela Julia Quinn para iniciar a trama é engraçada, e esse momento é interessante, porque não fica cheio de explicações sobre a relação de Billie e George até então: vamos sabendo aos poucos, de acordo com cada acontecimento e deixou tudo bem mais fácil de assimilar. E sempre com tiradas espirituosas e irônicas, um aspecto que amo.

Por mais que seja uma comédia romântica, temos algumas partes dramáticas e eu gostei de tê-las, pois pavimentam o rumo dos dois próximos livros da série. Com a escrita sempre atraente da Julia, creio que o segundo livro vai me agradar muito.

Sobre o livro:
ISBN: 9788580418750
Série: Os Rokesbys
Volume: 01
Autora; Julia Quinn
Editora; Arqueiro
Ano: 2018
Páginas: 272

A série:
01. Uma dama fora dos padrões
02. Um Marido de Faz de Conta
03. Um Cavalheiro a Bordo

Um comentário: